Revistas do mês
Nova Escola
Gestão Escolar
publicidade

Plano de Aula

Os efeitos do aquecimento global

Conteúdo específico
Efeitos do aquecimento planetário

Objetivo
Identificar eventuais conseqüências do processo de aquecimento global

Ano
8º e 9º anos 

Tempo estimado
Duas aulas de 50 minutos

Leia mais no site do Planeta Sustentável

 

Infográfico de NOVA ESCOLA

Introdução
Parreiras em vez de geleiras? Vinhedos na Groenlândia e na Antártica? Ainda não chegamos a tanto, mas, em termos de latitude, não falta muito. A reportagem informa que os produtores de alguns dos melhores vinhos do mundo estão migrando para locais de clima frio, como a Noruega e o sul do Chile. Fenômenos assim provavelmente estarão, num futuro próximo, no centro dos debates sobre o aquecimento global. Examine com os jovens os eventuais desdobramentos desse novo desafio para a espécie humana que já sobreviveu às glaciações.

Desenvolvimento
1ª aula 
Antes da leitura da revista, verifique o que os estudantes entendem por aquecimento global e seus efeitos. Registre as respostas. O trabalho subseqüente confirmará uns aspectos da lista e desmentirá outros. No final, ela será refeita e, provavelmente, enriquecida.

Depois que todos lerem o texto, conte que a hipótese do aquecimento planetário é hoje admitida pela ampla maioria da comunidade científica. É essa a constatação do relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática denominado Mudança Climática 2007: a Base da Ciência Física , divulgado em fevereiro deste ano. Mas as polêmicas prosseguem, focalizando agora as conseqüências do processo. Uma, apontada por VEJA, é a produção de vinho em regiões antes improváveis; outra, defendida por pesquisadores russos, é a transformação das extensões geladas da Sibéria em áreas agrícolas. Também existe quem fale em desertificação da Amazônia e quem imagine, ao contrário, a expansão da floresta.

Como acompanhar essa discussão? Há referências que sirvam de base para a visualização do que pode ocorrer por causa do aquecimento global? Proponha que seus alunos debatam essas questões, apoiando-se nas sugestões a seguir.

Lembre que a ciência aumenta a capacidade de previsão sobre eventos possíveis e permite ampliar o controle sobre os fenômenos da natureza. Isso se aplica ao aquecimento global. Alguns de seus efeitos já são notáveis. E muitos podem ser previstos. Um dos métodos usados para entender os fenômenos e antever seus desdobramentos é a construção de modelos. Explicando melhor: se por acaso a Terra já experimentou mudanças climáticas em larga escala provocadas pelo aquecimento e/ou resfriamento da atmosfera, é bom saber quais foram as conseqüências, pois elas servirão de referência para uma projeção sobre o que talvez aconteça agora e num futuro próximo. E a humanidade tem à disposição esse modelo valioso: a glaciação.

Pergunte quem assistiu aos longas-metragens A Era do Gelo e A Era do Gelo II. Trata-se de animações com um bom fundamento científico que focalizam, respectivamente, a glaciação e seu período final. Proponha pesquisas sobre esse fenômeno que já se deu diversas vezes, sempre associado a alterações do posicionamento da Terra em relação ao Sol (movimentos que interferem na translação, por exemplo, e que modificam a quantidade de energia que o planeta recebe).

Conte que a última glaciação, apresentada nos desenhos, deu-se há 74000 anos e atingiu o auge 20000 anos atrás. Ocorreram grandes transformações climáticas em seu período ascendente (resfriamento) e durante seu declínio (aquecimento global). Ensine que, no território que hoje é o Brasil, houve na fase do resfriamento uma perda significativa de água disponível na região dos trópicos, a aridez se impôs, a Floresta Amazônica recuou e o cerrado (vegetação de clima mais seco) avançou até o atual estado de São Paulo. Quando veio o aquecimento, aumentou a disponibilidade de água na região tropical, as florestas se expandiram e o cerrado diminuiu de extensão. Há como comprovar: onde hoje predomina a Mata Atlântica de interior, acham-se manchas de cerrado do período glacial. Quer dizer, com o aumento das temperaturas, voltaram a tropicalidade, os climas úmidos etc. Não é estranho que hoje, quando se fala em aquecimento, muitos debatam a desertificação da Amazônia?

Acrescente que o geógrafo brasileiro Aziz Ab Saber investiu contra essa idéia. Baseado na lógica da glaciação, ele acha que a floresta tropical vai descer para as latitudes mais altas não o contrário. Ab Saber sustenta que, com o aquecimento global, vai se alterar a lógica das correntes marinhas, que são elementos importantes da constituição dos fenômenos climáticos. As correntes de águas mais frias, que hoje alcançam o litoral da Bahia, vão descer para o sul. A orla brasileira será circundada por correntes quentes, o que fará crescer o volume de chuvas no interior do continente. É que as massas de ar oceânicas que se dirigem à terra firme carregadas de umidade graças à evaporação da água do mar não vão mais perder essa umidade antes de chegar ao continente. Atualmente, ao passar sobre correntes frias, a umidade se condensa e se precipita de volta sobre o oceano na forma de chuva. Se, no futuro, essas massas de ar não passarem sobre correntes frias, deixarão de se condensar sobre o oceano e terminarão por provocar mais chuvas no continente. Com esse aumento da umidade, as florestas vão se dar muito bem.

Como a turma avalia esse raciocínio? Diga que a temporada das polêmicas já começou. Cientistas e governos têm a dificuldade costumeira para se entender, mas estão discutindo essas questões. Leve o debate para a sala de aula.

2ª aula 
Sugira pesquisas e discussões sobre as teses da desertificação da Floresta Amazônica, a produção de vinho em zonas onde antes tal prática era impossível, a transformação da Sibéria em fronteira agrícola, o desaparecimento acelerado das geleiras da Groenlândia e outros fenômenos associados ao aquecimento global.

Consultoria: Jaime Tadeu Oliva
Professor do UniFIEO, de Osasco (SP)

Compartilhe

Gostou desta reportagem? Assine NOVA ESCOLA e receba muito mais em sua casa todos os meses!

Comentários
 Garanta já a sua revista! Assinaturas, edições impressas e digitais

Assine suas revistas impressas ou digitais!

Compre suas revistas digitais e e-books!

Nova Escolar
  Patrocínio     Edições SM

Fundação Victor Civita © 2013 - Todos os direitos reservados.