Assine Nova Escola
Revistas do mês
Nova Escola
Gestão Escolar
publicidade

Projeto

Desmatamento no Brasil

Objetivos
Analisar as causas do desmatamento no Brasil. Ler, interpretar e comparar representações cartográficas em diversas escalas utilizadas em sites e atlas geográficos. Elaborar estudo de caso com uso de diferentes linguagens (fotografia, mapas, tabelas e textos).

  Conteúdos específicos
- Desenvolvimento socioeconômico
- Preservação ambiental
- Biomas brasileiros
- Urbanização
- Expansão da fronteira agrícola

Ano
7º ao 9º

Tempo estimado
Oito aulas

Material necessário
Cópias ampliadas do infográfico Atlas Geográfico Escolar do IBGE (4ª edição, 2007), mapa rodoviário das regiões que serão estudadas, notícias sobre desmatamento no Brasil, fotos publicadas em jornais e revistas mostrando queimadas, extração de madeira, abertura de estradas, plantação de soja e ocupação urbana.

Desenvolvimento
1ª etapa 
Leve para a classe imagens mostrando situações em que a cobertura vegetal original esteja sendo destruída. Deixe que a turma levante hipóteses sobre os locais retratados e os motivos de tais ações. Muitos alunos se lembrarão da Floresta Amazônica, que está constantemente na mídia, mas será que eles citarão o cerrado e a Mata Atlântica? Apresente o infográfico, que marca (em vermelho) as regiões devastadas e o contorno dos principais biomas, explicando que são assim designados os agrupamentos de grandes formações vegetais.

Para análise do mapa, retome alguns conceitos cartográficos, como os de escala e legenda, fundamentais para associar as informações visuais aos conteúdos. A partir daí, inicie uma reflexão sobre as informações representadas: que biomas são atualmente mais afetados pela ação humana? O desmatamento ocorre com maior incidência em que regiões e quais são as características físicas (relevo, hidrografia etc.) desses locais? Em seguida, chame atenção para os itens comparativos que estão nos destaques do infográfico, localizando as regiões representadas. Nesse momento, tenha em mãos várias fontes de referência, como o Atlas Geográfico do IBGE e mapas rodoviários mais detalhados, para possibilitar a identificação de outras características físicas.

Sugira que os alunos comparem as representações cartográficas: como as regiões desmatadas aparecem em cada uma delas? Solicite a anotação dos principais pontos da discussão no caderno. Essas informações serão utilizadas posteriormente como ponto de partida para os estudos de caso.

2ª etapa  Divida a turma em três grupos. Cada um se aprofundará nos conhecimentos sobre um município: Alto Taquari, em Mato Grosso; Itaituba, no Pará; e Caraguatatuba, no litoral norte paulista. Caso alguma localidade da sua região também sofra com problemas de desmatamento, opte por ela para ser objeto de aprofundamento desse trabalho. Oriente os alunos a fazer um roteiro de pesquisa, prevendo a seleção de mapas locais e possíveis fontes de consulta (sugira o Censo de Cidades do IBGE).

Que perguntas terão de ser feitas para analisar as causas do desmatamento? Qual é a história da cidade? Como é a infra-estrutura local? Como se deu a ocupação? Quais são as principais fontes de renda e os problemas que enfrenta? Qual é a população atual?Se houver laboratório de informática na escola com acesso à internet, reserve alguns momentos para usar programas como o Google Earth. As imagens de satélite disponíveis nas páginas virtuais darão aos jovens visões diferenciadas e detalhadas, complementando as informações que estão nos mapas. Esses dados devem ser registrados. Acompanhe os trabalhos, ajudando-os a fazer ssociações entre a ocupação das regiões e a maneira como a floresta é explorada ou preservada. Ao longo do projeto, é importante levantar diversos pontos de vista sobre o problema. A posição de madeireiros, empresários agrícolas e pequenos proprietários certamente é bem diferente da de grupos ambientalistas nacionais e do exterior, políticos e órgãos governamentais, como o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Será fácil encontrar as diferente opiniões em reportagens da grande imprensa.

3ª etapa  Peça que os grupos façam um texto discorrendo sobre as principais causas do desmatamento no Brasil, contemplando as diversas visões e interesses relacionados ao assunto, o posicionamento deles sobre a questão e algumas alternativas para conter o quadro atual. Além disso, solicite que escrevam sobre como desenvolveram o trabalho e o
que aprenderam com esses procedimentos, fazendo um balanço da experiência. Com base nessa produção, cada equipe vai criar um cartaz com texto e fotos que servirá de apoio para o seminário final.

Produto final
Seminário Reserve uma aula para que os grupos apresentem aos colegas suas conclusões. Oriente-os a organizar um texto específico para a exposição (podem até fazer um roteiro para seguir) em que contem os fatos apurados, as causas do problema e os argumentos que sustentam as conclusões. É interessante que cada jovem exponha uma parte para que todos participem. O cartaz deve ser usado como apoio. Depois de cada apresentação, abra espaço para o debate: os ouvintes podem fazer perguntas e esclarecer as dúvidas com os expositores.

Avaliação
Observe (durante as pesquisas, na elaboração do texto final e na apresentação do seminário) se os alunos estabeleceram relações que os levaram a encontrar respostas, ainda que provisórias, sobre o desmatamento e as causas apresentadas e discutidas. Verifique ainda se eles empregam adequadamente os termos e os conceitos geográficos aprendidos.

Rosângela Doin de Almeida
Universidade Estadual Paulista

Adriano Picarelli
Geógrafo e autor de materiais didáticos

Compartilhe

Gostou desta reportagem? Assine NOVA ESCOLA e receba muito mais em sua casa todos os meses!

Comentários
 Garanta já a sua revista! Assinaturas, edições impressas e digitais

Assine suas revistas impressas ou digitais!

Compre suas revistas impressas!

Compre suas revistas digitais e e-books!

Nova Escolar
  Patrocínio     Edições SM

Fundação Victor Civita © 2013 - Todos os direitos reservados.