Assine Nova Escola
Revistas do mês
Nova Escola
Gestão Escolar
publicidade

Sequência Didática

Biodiversidade: Parte 8 - Unidades de Conservação no Brasil

Planeta Sustentável

Objetivos
Compreender o conceito de unidade de conservação;
Entender as medidas existentes para criação de unidades de conservação;
Conhecer os instrumentos legais que regem estas unidades de conservação.

Conteúdos
Áreas protegidas; unidades de conservação; manutenção da biodiversidade; legislação ambiental; iniciativas de conservação; áreas prioritárias para conservação.

Anos
6º a 9º ano

Tempo estimado
Cinco aulas

Material necessário
Cadernos, lápis, canetas, borrachas, papel vegetal, cola branca, cópias de mapas. Material de pesquisa: livros, revistas ou computadores com acesso à internet.

Introdução
Esta sequência didática é a nona de uma série de dez propostas sobre biodiversidade para o Ensino Fundamental II. Neste conjunto de aulas, os alunos vão conhecer as unidades de conservação, sua função e seus objetivos.

Desenvolvimento

1ª etapa
Apresente aos alunos o Mapa de Unidades de Conservação Federais e questione-os sobre o que veem. Peça que a classe atente para o mapa de biomas brasileiros que aparece no canto esquerdo da figura. Leia para os alunos o nome dos biomas e peça que os localizem no mapa. Aproveite para retomar com a classe as características de cada bioma. (Para saber mais, acesse www.planetasustentavel.abril.com.br).

Em seguida, discuta o mapa principal. Proponha que os alunos leiam os itens da legenda e tentem explicá-los - Floresta Nacional, Reserva Extrativista, RPPN etc. É importante que eles anotem nos cadernos cada uma das categorias citadas e a compreensão que têm sobre elas.

Questione a turma sobre o que são Unidades de Conservação (UCs). Pergunte para que servem, onde ficam, por que tem esta localização e qual sua importância. Incentive a participação de todos.

Como tarefa, peça que a classe pesquise se existem unidades de conservação no município em que vive ou nos municípios próximos. Caso existam, proponha que busque informações sobre elas com amigos, familiares e vizinhos.

2ª etapa
Retome o assunto da etapa anterior. Pergunte se os estudantes conseguiram informações sobre unidades de conservação próximas à escola ou ao lugar em que vivem. Deixe que exponham os resultados da pesquisa feita.

Divida a turma em grupos de até quatro alunos e distribua copias do mapa do Brasil com a divisão dos biomas brasileiros. Entregue também um mapa com as principais unidades de conservação presentes no território nacional. Solicite que comparem os dois mapas e identifiquem em quais biomas existem unidades de conservação. Os grupos podem utilizar papel vegetal para extrair os contornos dos biomas e sobrepô-los ao mapa de UCs. Com isso será possível encontrar as informações pedidas.

Questione a classe sobre o porquê da existência de UCs em determinados biomas e não em outros. Pergunte:

- Por que é importante proteger essas áreas?
- O que pode ser feito para que sejam conservadas?

3ª etapa
Repita a atividade com o mapa de áreas prioritárias para a conservação. Explique aos alunos o que são estas áreas prioritárias e onde estão localizadas (aproveite o texto abaixo para preparar a explicação).

Novamente, questione a classe sobre os biomas mais contemplados no estudo de áreas prioritárias. Faça no quadro um ranking desses biomas, pedindo auxílio aos alunos.

Atividades complementares

1 - Se for possível, adapte a atividade usando um mapa das UCs do estado e/ou município em que a escola está.

2 - Se houver uma UC nas proximidades da escola, tente agendar uma visita de campo com os alunos. Prepare um roteiro prévio sobre o que devem observar, busque agendar entrevista com o gestor da unidade ou algum funcionário que possa esclarecer dúvidas.

4ª etapa
Retome o assunto discutido nas últimas aulas. Faça um pequeno resumo sobre as unidades de conservação, os principais biomas e as áreas prioritárias para conservação no Brasil. Solicite o apoio da turma para a atividade, incentive todos a participar e a fazer anotações do que está sendo discutido.

Proponha que os estudantes retomem os grupos de trabalho da aula anterior. Pergunte se sabem o que significa SNUC. Explique que a sigla quer dizer Sistema Nacional de Unidades de Conservação e apresente à turma a Lei que o institui.

Leia em voz alta o Artigo 4º do Capitulo II, em que são expostos os objetivos do sistema. Pergunte a opinião dos alunos:

- Os objetivos propostos são viáveis?
- Eles estão adequados à realidade brasileira?
- Quais sugestões a turma gostaria de acrescentar à Lei?

Em seguida, entregue aos grupos cópias do Capitulo III - Das categorias das Unidades de Conservação. Faça uma breve exposição sobre a divisão das UCs por categorias. Explique que elas estão separadas em dois grandes grupos: Proteção Integral e Uso Sustentável. Ao todo são 12 categorias (sendo cinco de Proteção Integral e sete de Uso Sustentável). Verifique se há doze grupos na turma, se não houver, remaneje os alunos para que existam. Proponha que cada grupo fique responsável por pesquisar informações e exemplos de uma categoria.

Oriente a classe a buscar informações sobre o significado das categorias, onde estão localizadas as principais UCs e quais os biomas abrangidos. Acompanhe a turma durante todo o processo de levantamento de informações. Explique aos alunos que, na aula seguinte, eles devem apresentar um seminário para expor aos colegas sua categoria de conservação, dando exemplos e explicando suas regras, limitações etc.

5ª etapa
Reserve um tempo para que os grupos apresentem suas pesquisas e discuta-as conjuntamente. Em seguida, organize um debate em classe sobre o tema: "As áreas protegidas podem manter a biodiversidade do planeta?".

Para organizar a discussão, divida a turma em dois grandes grupos: aqueles que defendem a eficácia das unidades de conservação e aqueles que não acreditam nela. Dê um tempo para que os grupos conversem e preparem os argumentos para o debate. Alerte-os que o objetivo é convencer e, para tanto, são necessários argumentos consistentes. Como material de apoio, entregue a cada grupo cópias de um dos textos abaixo.

Textos por grupo

Grupo 1 - UCs não são eficazes
Unidades de Conservação não garantem preservação
www.comciencia.br

Grupo 2 - UCs são eficazes
Áreas protegidas da Amazônia são responsáveis pela redução do desmatamento
Correio Braziliense

Após a leitura, inicie o debate. Estabeleça um tempo para que cada grupo exponha sua opinião. Busque organizar o debate com tempos para explicação e perguntas.

Ao final do debate, peça que os alunos produzam textos individuais, expondo a conclusão que chegaram sobre a eficácia ou não das UCs.

Avaliação
Avalie a participação dos alunos nas discussões e no desenvolvimento dos trabalhos em grupo. Observe se os conceitos trabalhados foram apreendidos. Considere o envolvimento nas atividades de pesquisa e busca de informação, avalie a iniciativa do aluno frente à tarefa atribuída.

Quer saber mais?

Bibliografia
Brito, Maria Cecília Wey. Unidades de conservação: intenções e resultados. Editora Annablume, 2001.
Nurit, Bensusan. Conservação Da Biodiversidade em Áreas Protegidas. Editora FGV. 2006.
Furlan, Sueli A., Nucci, J. C. A Conservação das Florestas Tropicais. Editora Atual, 2007.
Morsello, Carla. Áreas Protegidas Públicas e Privadas: Seleção e Manejo. Editora Annablume. 2001.
Wilson, E. O. (organizador) Biodiversidade. Nova Fronteira, Rio de Janeiro. 660 pp. 1997.

Internet
http://planetasustentavel.abril.com.br 

Consultoria Kelly Cristina Melo
Bacharel e licenciada em Geografia, atua na formação de professores e em consultoria em meio ambiente.

Compartilhe

Gostou desta reportagem? Assine NOVA ESCOLA e receba muito mais em sua casa todos os meses!

Comentários

Abril CPFL BUNGE SABESP PETROBRS CAMARGO CORREA CAIXA

Professor, dê suas opiniões, críticas e sugestões sobre este Plano de Aula: planetasustentavel@abril.com.br

 Garanta já a sua revista! Assinaturas, edições impressas e digitais

Assine suas revistas impressas ou digitais!

Compre suas revistas impressas!

Compre suas revistas digitais e e-books!

Nova Escolar
  Patrocínio     Edições SM

Fundação Victor Civita © 2013 - Todos os direitos reservados.