Revista do mês
Nova Escola
Assine Nova Escola
publicidade

Brincadeiras de pular

Rita Trevisan

Como funciona
Envolve no mínimo três participantes: dois batem a corda ou seguram o elástico, enquanto um pula. Os saltos podem seguir uma sequência predeterminada, mudar de acordo com comandos de voz ou seguir o que indica uma cantiga. Macaco Foi à Feira e Com Quem Você Pretende Se Casar? são algumas das canções que podem embalar a brincadeira de pular corda, que pode ser batida em diferentes velocidades e pulada ao mesmo tempo por várias crianças. A brincadeira de elástico, também conhecida como bicicleta, laranjinha, capoeira e chocolate, vai ficando mais difícil conforme sobe a altura dele, que começa nos calcanhares e vai até o pescoço.

Origem
Na Grécia e na Roma antigas, pular corda era um comportamento muito utilizado para celebrar a chegada das novas estações. Já a brincadeira do elástico remonta à Idade Média. Os esquimós entrelaçavam-no entre os dedos das mãos para formar desenhos.

Por que propor
Para os pequenos explorarem movimentos em diferentes velocidades e também em sintonia com o ritmo das cantigas.

Como enriquecer o brincar
■ Faça adaptações da brincadeira para os menores. Uma opção é convidá-los a pular ou então passar por baixo da corda e do elástico esticados a uma distância pequena do chão.
■ Pesquise e monte com a turma uma coletânea de parlendas para serem recitadas durante a diversão.

O erro mais comum
Exigir uma performance perfeita dos pequenos. Até 5 anos, a maioria deles não consegue pular corretamente, mas a prática possibilita que aperfeiçoem os movimentos.


Ilustração Rogério Fernandes sobre fotografia de Omar Paixão / Assistente Márcia Schiesari / Produção Mario Mantovanni / Assistente Gabriel Fernandes / Cabelo e Maquiagem Renato Rodriguez

 

Gostou desta reportagem? Assine NOVA ESCOLA
e receba muito mais em sua casa todos os meses!

Comentários

 

Publicado em Hora de Brincar, Setembro 2010. Título original: Nas alturas
 Garanta já a sua revista! Assinaturas, edições impressas e digitais
Nova Escolar
  Patrocínio     Edições SM

Fundação Victor Civita © 2013 - Todos os direitos reservados.