Revista do mês
Nova Escola
Assine Nova Escola
publicidade

Brincadeiras do Sul: Boi de Mamão

Fernanda Salla

Brincadeiras do Sul: Boi de mamão. Foto: Danny Yin
Especial Brincadeiras Regionais

Trecho da música
E vem chegando boi malhado
Vem chegando devagar
Vem cá meu boi iá iá

Ele é de papelão
O nosso boi de mamão
Vem cá meu boi ia iá

Como brincar:
Trata-se de uma encenação da morte e ressurreição do boi de mamão, em que as crianças interpretam os personagens envolvidos na narrativa: o boi, o vaqueiro Mateus, a dona de casa, o médico (doutor), as bruxas, o cavalinho, a cabra, a bernunça (figura fantasmagórica que teria sido inspirada no dragão chinês) e a Maricota.
Há uma sequência para a entrada de cada um deles na história, que é cantada com rimas. A dramatização é feita em forma de dança. Nela, o boi de Mateus, homem simples da roça, morre de tanto dançar. Chamam o médico, mas ele não consegue ressuscitá-lo. Então, pedem para as bruxas intercederem pelo animal e elas conseguem trazê-lo de volta à vida.
Os demais personagens vão entrando conforme são citados na letra da música. Todos terminam dançando juntos. "No nosso boi de mamão, várias crianças fazem os mesmos personagens, pois todos os alunos da escola participam da brincadeira. Eu costumo ajudar os menores na hora da encenação para que eles não se percam", conta João Vitor Nilo Thomé, 9 anos.

Histórico: Em Florianópolis, a descrição mais antiga é de 1871, feita pelo historiador José Arthur Boiteux. Antigamente a brincadeira era conhecida como boi de pano, mas a lenda local diz que para construir a fantasia mais rapidamente acabavam usando um mamão verde para fazer a cabeça do boi. Daí veio o nome atual.

Variações: A letra da música muda, assim como o nome da brincadeira, mas ela é encontrada em formato semelhante em diversas regiões do país. No Nordeste, por exemplo, é conhecida como bumba meu boi ou boi-bumbá. As bruxas só aparecem na versão da Escola Desdobrada e NEI Costa da Lagoa, que introduziu o personagem por fazer parte do imaginário infantil e por ser outra lenda local (elas teriam ido para Florianópolis na época da colonização açoriana).

Gostou desta reportagem? Assine NOVA ESCOLA
e receba muito mais em sua casa todos os meses!

Comentários

 

Publicado em Setembro de 2012. Título original: Boi de Mamão
 Garanta já a sua revista! Assinaturas, edições impressas e digitais
Nova Escolar
  Patrocínio     Edições SM

Fundação Victor Civita © 2013 - Todos os direitos reservados.