publicidade
clique aqui para ver outros blogs »

Sexualidade na Educação

As principais dúvidas sobre Educação Sexual



Como trabalhar a Educação Sexual nas escolas?

| Sexualidade

O trabalho de educação sexual tem várias faces e o melhor método para falar de sexualidade com os alunos depende diretamente do que e para que vamos falar sobre isso.

No entanto, teve uma época na minha vida profissional em que eu só admitia fazer um trabalho de educação sexual se fosse o mais completo e abrangente. Resultado: eu vivia frustrada, porque nada acontecia a contento. No entanto, ao longo da minha experiência fui aprendendo que, para cada fim é necessário se estabelecer um método compatível.

Por isso, trouxe hoje para vocês os métodos mais comuns de se fazer a Educação Sexual nas escolas. Veja os métodos mais comuns.

Intervenção pontual

O que é?

É quando o profissional age diante de um fato ou uma solicitação do aluno.

Como funciona?

As intervenções acontecem presencialmente na escola, quando o aluno pede para conversar com o professor, ou vice e versa. Outro método de atender a essas dúvidas é criando um serviço com um Educador Sexual especializado à disposição por e-mail ou Skype, para que os alunos entrem em contato direto com ele.

Vantagens

Como, em geral, a solicitação parte do adolescente, acaba sendo uma forma rápida de intervenção com impacto muito positivo.

Desvantagens

Não chega a ser uma desvantagem, mas esse tipo de intervenção exige que o profissional que esteja respondendo às dúvidas tenha um conhecimento técnico bastante apurado, já que ele tem que estar sempre pronto para atender às demandas.

Em quais casos devemos optar por esse método?

Este método é um apoio ou um suporte especializado para atender dúvidas que os alunos não querem expor diante dos colegas na sala de aula, como uma conversa pessoal.

Palestras

O que é?

É uma atividade coletiva, sem necessidade de limitação de número de participantes que visa sensibilizar os alunos diante de um determinado tema.

Como funciona?

A palestra é uma atividade programada pela escola que pode ocorrer dentro ou fora do horário de aula. Em geral é realizada por um profissional especializado no tema como parte de um ciclo de palestras ou mesmo, isoladamente em função de alguma data comemorativa – Dia mundial de prevenção a aids, por exemplo – ou em função de alguma demanda específica da escola. Para tanto, as escolas contratam serviços de instituições da área, como por exemplo o Instituto Kaplan, ou chamam diretamente um especialista.

Vantagens

Possibilita a reflexão, promove novas opiniões sobre um mesmo tema e instrui o adolescente para que ele tome posicionamentos intelectuais sobre alguns temas, principalmente, quando o objetivo é promover informação.

Desvantagens

A palestra funciona como uma espécie de aperitivo. Sozinha, ela não consegue fazer o aluno mudar condutas. Ele pode, por exemplo, por meio de uma palestra admitir que a camisinha é importante para a prevenção de DST/Aids. Mas, daí a tomar a iniciativa de adquirir o preservativo e usar em suas relações sexuais… é outra história.

Em quais casos devemos optar por esse método?

Este método é muito útil para se introduzir uma temática sobre sexualidade para um grupo grande de alunos, ou levar informações atualizadas, ou novidades sobre um determinado tema que reque um conhecimento mais aprofundado de um especialista. Há também a possibilidade de se contratar palestrantes, cuja imagem de mídia, ou seu potencial como formador de opinião tem um efeito significativo na confirmação social de determinadas condutas.

 Oficinas temáticas

O que é?

É um método que se caracteriza pela participação dos alunos na construção do saber – metodologia participativa – sobre um determinado tema. É um trabalho em grupo no qual pode se utilizar dinâmicas de grupo e/ou jogos educativos, com os quais o educador propicia que os alunos aprendam a partir do conhecimento que cada um tem do tema, da análise da realidade e da confrontação e intercâmbio de experiências do grupo. A oficina propicia vivência e reflexão sobre o fato, ou seja: pensam, sentem e atuam.

Como funciona?

As oficinas temáticas podem ser realizadas por professores capacitados para trabalhar o tema ou pode ser realizada, como na palestra, por profissionais especializados. Ocorrem tanto como parte de um projeto ou programa de educação sexual, com um cronograma a ser seguido, como para “apagar algum incêndio” sexual na escola. O fundamental é estabelecer claramente o objetivo da oficina e escolher a atividade (dinâmica de grupo, jogo, etc.) que seja mais adequada ao objetivo. Quando há esta sintonia o sucesso do trabalho é garantido!

Vantagens

Dentre todos os métodos, a oficina é a campeã no trabalho de educação sexual! Isso porque ela vai mais a fundo nas concepções dos alunos, trazendo não apenas uma mudança intelectual, mas também emocional, que leva o adolescente a uma mudança de conduta mais efetiva.

Desvantagens

Atende um número limitado de no máximo 40 alunos por vez. Se a escola for contratar  especialistas o trabalho pode custar muito mais caro do que a palestra. Em geral as oficinas ocorrem em um número de mais de uma atividade o que exige mais tempo e disponibilidade do professor.

Em quais casos devemos optar por este método?

Esta atividade ganha uma força muito maior quando é realizada dentro de um programa ou projeto de educação sexual na escola. Seja como tema transversal ou como curso curricular. De qualquer forma, se desejamos que haja uma mudança de conduta a oficina é o método indicado.  

No próximo post vamos conversar com mais detalhes sobre essas abordagens!

Beijo e até a próxima!

TAGS: , , , , , , , , 1 Comentário

Deixe seu comentário






Escreva aqui o seu comentário

1 comentário

  • veronice - 20/04/2013 às 21:31

    estou fazendo meu tcc a respeito da sexualidade infantil nós aspectos: biológico, psíquico, e social na educação infantil que ira focalizar na formação do professor a respeito do assunto…gostaria que me indicassem livros e postassem assunto sobre o tema….bjosss



 Garanta já a sua revista! Assinaturas, edições impressas e digitais

Assine suas revistas impressas ou digitais!

Compre suas revistas digitais e e-books!

Nova Escolar
  Patrocínio     Edições SM

Fundação Victor Civita © 2013 - Todos os direitos reservados.